Postagem em destaque

Bebê a bordo: Diário de um avô colorido 👴🏳️‍🌈

Imagem
Por Sergio Viula 1º DIA: 07/03/2021 Às vesperas do Dia Internacional da Mulher, minha filha me deu uma notícia que merece celebração e exige cuidados ao mesmo tempo.  Acordei por volta das nove horas da manhã com mensagens entrando, uma após a outra, no meu Instagram. Antes mesmo de ir ao banheiro fazer a higiene matutina, abri o comunicador e li o seguinte: "Você vai ser avô, mas ainda é segredo. Só conta para os meus pais e para o Isaac." A razão do segredo é que o teste para gravidez que ela havia feito era aqueles que se compram em farmácias. Ela queria contar para outras pessoas só depois do exame de sangue, que dá um resulado mais seguro. Claro que eu fiquei feliz e preocupado ao mesmo tempo. Daí, a frase que abriu esse diário lá em cima. É bom saber que Larissa e Vitor estão felizes com a perspectiva da maternidade e da paternidade. Por outro lado, ter um filho não é tão simples quanto muita gente imagina e nem como alguns pais e algumas mães tendem a falar sobre esse

Hoje é o dia dele. Parabéns, Andre!

 Por Sergio Viula


Andre, depois de um extenso e cansativo dia de trabalho, 
foi surpreendido com essa delícia de bolo de aniversário


Hoje é o dia dele! E hoje o dia dele é ainda mais especial! Andre completa 30 anos de idade - o que eu acho fantástico! 

Quem me acompanha aqui sabe que eu adoro os aniversários que selam uma década. Eles me soam como marcos ao longo do caminho. E para comemorar essa data tão especial, decidi fazer uma surpresa para ele na véspera. Mas, por que no dia 02 se ele faz anivesário no dia 03? A resposta tem a ver com a logística. Como ele só poderia comemorar o aniversário comigo no final da noite de hoje (03), e isso significaria que o dia já estaria baixando as cortinas, com a finalidade de esticar a alegria da comemoração, decidi fazer a celebração no final da noite de ontem (02).

Infelzimente, por causa da pandemia, não podemos reunir pessoas ou sair por aí para comemorar. Então, pedi um bolo e salgadinhos pelo Uber Eats e preparei a mesa para que ele se supreendesse logo que entrasse em casa. Como eu ainda estaria dando aula nesse momento, não tinha como surpreendê-lo com beijos e abraços. Mesmo que eu não estivesse trabalhando, eu ainda teria que esperar que ele se livrasse das roupas e máscara possivelmente contaminadas, tomasse um banho, etc.

Bem, de qualquer modo, ele se surpreendeu. Afinal, se Andre suspeitava que eu estivesse planejando algo, ele provavelmente pensava que isso seria no o dia seguinte. Eu mesmo já havia dado a entender que comemoraríamos seu aniversário de algum modo. ^^

Assim que eu terminei de dar a última aula do dia, fiz uma vídeoconferência com meus pais e meu filho. Esse foi o jeito de reuni-los sem exposição. Conversamos, cantamos parabéns (nada de soprar velas) e cortamos o bolo. Manuseamos tudo de máscara para proteger meus pais, principalmente. Depois, levamos metade do bolo e um potinho com salgados e entregamos para eles na porta de casa. Eles deram parabéns ao Andre. Minha mãe entregou dois presentes a ele. Depois voltamos para comer as gostosuras que nos esperavam sobre a mesa. Foi tudo muito sigelo, mas muito especial, porque foi feito com carinho.

Além do presente que deixei para entregar hoje, escrevi uma carta dizendo o quanto ele significa para mim e tudo o que eu desejo para a vida dele, tanto pessoalmente como a dois. A carta ficou em cima da caixa do bolo para que ele pudesse lê-la antes mesmo que eu terminasse minha jornada de trabalho. A resposta dele veio pelo comunicador do Instragram antes mesmo que pudéssemos nos abraçar. 

Como sempre, Andre foi excepcional em cada palavra que colocou naquela mensagem. E cada uma delas corresponde fielmente à pessoa que ele é no dia a dia de fato. O nome disso é honestidade e coerência - duas qualidades que eu amo e que procuro imprimir a tudo o que faço também.

Apesar de todas as restrições que a pandemia colocou diante de nós, a vida vai bem. E não vai bem porque sobram futilidades, vai bem porque não nos falta o essencial. O que mais é preciso?

Um abraço a todos os que torcem por nós. Vocês são lindas, lindos e lindes!


Por enquanto, é só [tudo] isso. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A homossexualidade no Egito antigo

Corpus Christi: Vestra frui corporum (Aproveitai vossos corpos)

Entrevista: Conheça Cris Lacerda e sua história de superação