Postagem em destaque

Paula, uma pessoa intersexo

Imagem
  Por Sergio Viula Decidi resgatar uma experiência que eu tive em 12/02/2103, na cidade de Fortaleza, CE.  Essa experiência de troca humana fantástica aconteceu na Praia do Futuro, que é pontilhada por barracas em estilo de choupanas. Tomei uns belos  drinks  (lembram?) e comi muqueca de arraia com um acompanhamento de arroz, maionese, batata frita e farofa - tudo simples, mas super gostosinho. O melhor de tudo porém, foi ter conhecido Paula.  Assim que cheguei, percebi que Paula era uma mulher especial, apesar de todas as mulheres terem algo de especial por natureza. Mas, Paula chamava atenção por ter alguns traços masculinos. De início, pensei que ela fosse uma mulher transexual em processo de feminização. Decidi seguir o caminho mais seguro para descobrir como ela se identificava - perguntei qual era o seu nome. Assim, ela poderia indicar se preferia ser tratada no feminino, como eu imaginava. Ela me disse que se chamava Paula.  Acontece que Paula  não  é transexual. De forma absolu

Grande dia! Meu pai foi vacinado!

 Por Sergio Viula


Meu pai sendo vacinado contra ao Corona
hoje (04 de março de 2021)



No dia 14 de março, ou seja, daqui a dez dias, eu completarei um ano de isolamento. Isso quer dizer que trabalhei de casa, não saí para comemorações de quaisquer tipos e só tive contato com quatro pessoas diretamente: meu marido, meu filho e meus pais. É uma vantagem gigantesca poder viver assim, apesar dos custos emocionais da renúncia de quase tudo o que eu costumava fazer.

Foi graças a esse isolamento, porém, que eu fiquei relativamente fora do alcance do Corona a maior parte do tempo.

Hoje, eu tive a alegria de receber a melhor notícia do ano para nós aqui de casa: Meu pai tomou a primeira dose da vacina. Daqui a uns dias, será a vez da minha mãe. Meu pai é cardíaco com quadro grave e minha mãe está em remissão de câncer, já tendo recebido alta da quimioterapia há quase quatro meses.




Quem acompanhou meu pai na vacinação, foi o meu filho Isaac. Foi ele que filmou esse atencioso enfermeiro trabalhando com toda a simpatia e competência, como vocês podem constatar pelo vídeo. O atendimento foi super rápido. Eles gastaram 30 minutos no máximo para chegarem lá, serem atendidos e entrarem em casa de novo. Estamos todos muito felizes com essa conquista. 


Vacina, sim.

Clínica da Família, sim.

SUS, sempre!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A homossexualidade no Egito antigo

Zeus e Ganimedes: A paixão entre um deus e um príncipe de Tróia

Júlio Severo, um lobo em pele de cordeiro (escrito por um cristão)