Postagem em destaque

Alguns equívocos do Moses

Imagem
Este post tem por objetivo refletir sobre algumas declarações de João Luiz Santolin, presidente do Moses, durante um seminário promovido pelo Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos (CLAM) em parceria com o Instituto de Estudos da Religião (ISER), conforme publicado no livro "Religião e Sexualidade: Convicções e Responsabilidades, organizado por Emerson Giumbelli, publicado pela Editora Garamond, 2005 (ISBN 8576170604, 9788576170600). De acordo com Santolin, o Moses foi fundado em 1997. Ele está certo. Ele só não disse que isso aconteceu durante a Parada Gay celebrada no Rio de Janeiro, no referido ano. Também não disse que éramos três: Santolin, Liane França e eu (quem tiver dúvida, consulte o jornal O Globo, publicado no dia seguinte ao da passeata, pois nossos nomes estão lá no último parágrafo da matéria de cobertura da Parada Gay). Obviamente, ele não disse, devido ao constrangimento causado pela entrevista que dei em novembro de 2004 à revista Época, na qu

Cristiana Serra: Presente!

 Por Sergio Viula


Cristiana Serra: PRESENTE!



Foram muitas as vezes que eu me alegrei em ver ou ouvir Cristiana Serra - mais conhecida como Cris Serra. Ela era inteligente, eloquente, bem informada e comprometida com valores humanistas. 


Em 27 de maio de 2012, participamos de uma mesa redonda a convite do Pr. Marcio Retamero na Comunidade Betel (ICM) em Botafogo. Foram momentos muito especiais.


Cris era ativista junto ao grupo Diversidade Católica, que promovia o acolhimento e inclusão de pessoas LGBT e suas famílias tais como são.


Veja essa mesa redonda sobre ciência, poltícia e religião, tendo como tema a falsamente chamada "cura gay". A partir do minuto 7:25, Cris chama os convidados, entre os quais eu me encontrava. Fui o primeiro a falar depois das apresentações. José Barbosa Júnior, Camila Montovani, Murilo Araújo e Jandira Queiroz. Cris foi a moderadora, além de ter participado da organização do evento. https://youtu.be/gNCfUrISTVw


Cris deixa um buraco no meio da nossa comunidade depois de ter lutado bravamente contra um câncer, mas também deixa saudades e um legado.


Fica aqui, minha singela homenagem à amiga Cristiana Serra e minhas condolências à sua família.


Sigamos na luta por um mundo justo e igualitário!


Sergio Viula

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A homossexualidade no Egito antigo

Zeus e Ganimedes: A paixão entre um deus e um príncipe de Tróia

Humorista 'Picolina' é encontrada morta dentro de casa em Fortaleza