Postagem em destaque

Paula, uma pessoa intersexo

Imagem
  Por Sergio Viula Decidi resgatar uma experiência que eu tive em 12/02/2103, na cidade de Fortaleza, CE.  Essa experiência de troca humana fantástica aconteceu na Praia do Futuro, que é pontilhada por barracas em estilo de choupanas. Tomei uns belos  drinks  (lembram?) e comi muqueca de arraia com um acompanhamento de arroz, maionese, batata frita e farofa - tudo simples, mas super gostosinho. O melhor de tudo porém, foi ter conhecido Paula.  Assim que cheguei, percebi que Paula era uma mulher especial, apesar de todas as mulheres terem algo de especial por natureza. Mas, Paula chamava atenção por ter alguns traços masculinos. De início, pensei que ela fosse uma mulher transexual em processo de feminização. Decidi seguir o caminho mais seguro para descobrir como ela se identificava - perguntei qual era o seu nome. Assim, ela poderia indicar se preferia ser tratada no feminino, como eu imaginava. Ela me disse que se chamava Paula.  Acontece que Paula  não  é transexual. De forma absolu

Conquistas LGBT nesse final de 2021

No apagar das luzes de 2021.
Ainda dá tempo de vir mais coisa boa antes da virada.

 


Conquistas LGBT nesse final de 2021


Por Sergio Viula


O ano de 2021 está acabando, mas as boas notícias relacionadas à comunidade LGBT+ cotinuam chegando. Nesse post, quero pontuar algumas delas. Existem muitas outras ao longo de todo o ano, é claro, mas quando o ano já parecia estar se despedindo, novos motivos para celebração chegaram, e isso é especial demais para passar despercebido.


ARGENTINA: COPA DO MUNDO DE FUTEBOL LGBT DE 2024

Segundo o Portal Brasileiro de Turismo, a Argentina, por meio do Instituto Nacional de Promoção Turística (Inprotur), acaba de anunciar que será sede da Copa do Mundo de Futebol LGBT de 2024. A novidade, que prevê impacto direto superior a US$ 4 milhões foi divulgada durante a Imex América 2021, feira de turismo voltada ao segmento Mice, realizada em Las Vegas, nos Estados Unidos. Mais AQUI.


GRANDE PRÊMIO DO CATAR: LEWIS HAMILTON USA CAPACETE COM AS CORES DO ARCO-ÍRIS 

Segundo a revista Fórum, o piloto de Fórmula-1 britânico Lewis Hamilton, heptacampeão mundial de automobilismo, utilizou um capacete com a bandeira do arco-íris, símbolo do movimento LGBT, durante os treinos livres para o Grande Prêmio do Catar, em Doha.

A atitude foi reverenciada nas redes sociais e classificada como uma manifestação corajosa do esportista, já que no pequeno país do Oriente Médio, uma monarquia ditatorial islâmica, lésbicas, gays, bissexuais e transexuais são condenados a até três anos de prisão. Manifestações em apoio à causa LGBT também são proibidas no Catar. Mais AQUI. 


CHILE E TÓQUIO AVANÇAM NA GARANTIA DOS DIREITOS CONJUGAIS NA MESMA SEMANA

Segundo o site A Esquerda, o Congresso chileno aprovou o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a adoção por casais homossexuais. A capital japonesa vai passar a reconhecer a “parceria” entre pessoas do mesmo sexo num país em que o partido do poder continua a rejeitar a igualdade no casamento. Mais AQUI. 


PRIMEIRO HOTEL LGBT DE CUBA REABRE AS PORTAS

Segundo o site da revista Exame, o primeiro hotel LGBT de Cuba acaba de ser reaberto para atrair este público, no momento em que as autoridades estudam a aprovação do casamento entre pessoas do mesmo sexo na ilha. Mais AQUI. 


MULHER TRANS ÁRABE AJUDA PESSOAS LGBT A ESCAPAR DA MORTE

Segundo o site Universa da UOL, Iman Le Caire assumiu como missão ajudar outras pessoas trans a fugir de perseguição, abuso e morte em países do Oriente Médio, já que a pandemia do coronavírus colocou muitas delas em maior perigo. Mais AQUI.


GOL SE UNE À CÂMARA LGBT E TRABALHA PARA INCLUIR MAIS DIVERSIDADE

Segundo o Observatório G, a GOL Linhas Aéreas, maior Companhia aérea do Brasil, é a mais nova associada da Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil, associação sem fins lucrativos comprometida em disseminar uma cultura de respeito à diversidade sexual e de gênero, e à promoção de negócios inclusivos com fins comerciais. Mais AQUI.


A LUTA CONTINUA...

Apesar dessas boas notícias, a vida das pessoas LGBT está longe de ser um mar de rosas nesse país des-governado por um sociopata, seguido de um bando de ignorantes preconceituosos. Até no Censo, esse fascista foi mexer para tentar invisiblizar as pessoas LGBT e atrasar políticas inclusivas, mas o MPF está investigando a exclusão de questões relacionadas à população LGBT. Mais AQUI.

Tomara que 2022 traga a boa nova de que essa fase foi definitivamente encerrada.



Comentários

  1. Muitas notícias boas. Elas chegam trazendo também a esperança de que possamos avançar em direitosua civis e como seres humanos também.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Andre. Relamente, é muito alentador.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe suas impressões sobre este post aqui. Fique à vontade para dizer o que pensar. Todos os comentários serão lidos, respondidos e publicados, exceto quando estimularem preconceito ou fizerem pouco caso do sofrimento humano.

Postagens mais visitadas deste blog

A homossexualidade no Egito antigo

Zeus e Ganimedes: A paixão entre um deus e um príncipe de Tróia

Dia Internacional do Orgulho LGBT: Importantes apontamentos